Troca troca

rouparada

A ideia partiu da Ale Nahra, e veio de uma conversa com uma amiga do Twitter: fazer uma feirinha de troca de roupas.

Explico. Tá todo mundo querendo roupa nova, mas tá todo mundo precisando segurar as pontas (é, crise, blablabla). E no guarda roupa de toda mulher sempre tem uma série de coisas que a gente não usa mais, mas que a gente tem dó de tirar de lá. Ou porque achamos que ainda temos chance de usar (nunca usamos) ou porque não combina muito bem com doação – eu, por exemplo, tenho dois sapatos rosas com uma cara de travesti que fico até sem graça de doar (ah, meus 16 anos).

Pois bem. A Ale chamou umas 8 amigas pra uma tarde de trocas na casa dela. Cada menina levou uma mochila cheia de peças, e a brincadeira foi simples: o bom e velho escambo. Eu gosto da sua calça, você gosta do meu vestido, e trocamos as peças! Simples assim.

Lá, troquei um vestido, um par de óculos escuros, uma meia calça listrada e duas camisetas por uma calça, duas blusas, um casaqueto super retrô e um divertido suspensório!

O que é legal: além de sair de roupa nova-velha, você quebra uma meia dúzia de paradigmas. Já que na teoria você não está pagando nada, toma coragem de levar umas cores e modelos que dificilmente te chamariam atenção em uma loja. Eu, por exemplo, nunca vou até a seção de azul e verde nas lojas. E saí com 2 blusinhas nesse tom. E não é que cairam bem?

Fica aqui a dica. Tenta organizar uma feirinha de trocas na sua casa!

O que precisa: algumas amigas dispostas a promover o desapego. Ah! É legal que todas tenham medidas parecidas, que assim ninguém sofre abalos de autoestima – e ter estilos parecidos também é aconselhável.

Criando o clima: além de roupas, peça pras meninas levarem comes e bebes. Muita guacamole, brownie e bebida de menininha – com direito a flamingos rosas em cada drink. Um bom iTunes tocando músicas legais e espaço pras participantes pendurarem suas roupas também é uma boa pedida.

No fim, é normal que nem sempre duas pessoas estejam dispostas a trocar suas peças. Se alguém gostar de uma peça e a outra menina não curtir, pagar uma quantia também vale. O importante é não sair sem brincar.

Sei que a feirinha da Ale foi um sucesso. Clique aqui pra ver as fotos. Agora, desmonte o seu guarda roupa e faça a sua também. E me chama!

Ah! Não consegui trocar meus sapatos rosas-travestis porque ninguém lá tinha pé 37 (bando de mulheres pequeninas!). Se alguém tiver interesse, é só deixar um comentário. 😉

Fran

Anúncios

Um pensamento sobre “Troca troca

  1. Pingback: Bazarzinho « SUPIMPA!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s